Postagens

Mostrando postagens de Setembro 8, 2019

Cinco mistérios que a Física não consegue explicar

Imagem
Cinco mistérios que a Física não consegue explicar Oscar Miyamoto Gomez - Symmetry - 05/07/2019 Ilustração do Modelo Padrão da física de partículas - que deixa bastante espaço para uma "Nova Física".
[Imagem: Ana Kova/Sandbox Studio]
Modelo incompleto O Modelo Padrão é a teoria mais rigorosa da física de partículas, incrivelmente precisa em suas previsões. Ele estabelece matematicamente os 17 blocos de construção da natureza: seis quarks, seis léptons, quatro partículas de força e o bóson de Higgs. Elas são governadas pelas forças eletromagnética, fraca e forte. Infelizmente, este que é o nosso melhor modelo da física explica apenas cerca de 5% do Universo. "Em relação à pergunta 'O que somos nós?', o Modelo Padrão tem a resposta. Ele nos diz que todo objeto no Universo não é independente, e que toda partícula está lá por uma razão," descreve Saúl Ramos, pesquisador da Universidade Nacional Autônoma do México (UNAM). Apesar de seu grande poder preditivo, no …

Cilindros hidráulicos flexíveis são três vezes mais fortes

Imagem
Cilindros hidráulicos flexíveis são três vezes mais fortes Redação do Site Inovação Tecnológica - 03/07/2019 O pistão flexível (direita) é três vezes mais forte do que o pistão rígido usado nos cilindros hidráulicos convencionais (esquerda).
[Imagem: Wyss Institute/Harvard]
Cilindros hidráulicos Roboticistas da Universidade de Harvard, nos EUA, mudaram pela primeira vez o conceito dos pistões usados em equipamentos hidráulicos e pneumáticos, uma invenção do físico Denis Papin no início do século XVIII. Shuguang Li e seus colegas substituíram os elementos rígidos dos cilindros hidráulicos convencionais por um mecanismo que utiliza estruturas compressíveis dentro de uma membrana feita de materiais macios. Os "pistões de tensão" resultantes geram mais de três vezes a força dos pistões convencionais, eliminam grande parte do atrito e, a baixas pressões, são até 40% mais eficientes energeticamente. O sistema de pistão hidráulico convencional é baseado em uma câmara rígida e um pis…

Efeito considerado impossível cria LEDs e lasers super eficientes

Imagem
Efeito considerado impossível cria LEDs e lasers super  eficientes Redação do Site Inovação Tecnológica - 04/07/2019 Ilustração das estruturas semicondutoras únicas (homoestruturas) e mistas (heteroestruturas).
[Imagem: tsarcyanide/MIPT]
Superinjeção O fenômeno conhecido como superinjeção está na base do funcionamento dos lasers e LEDs. Ele rendeu aos seus descobridores, Zhores Alferov e Herbert Kroemer, o prêmio Nobel de Física de 2000. A superinjeção refere-se ao aumento da concentração de elétrons (cargas negativas) e lacunas (cargas positivas) em uma camada intermediária de material semicondutor, que alcançam valores que são várias ordens de grandeza mais elevadas do que aquelas nas camadas externas, permitindo a emissão de luz de um laser ou de um LED. Como há pelo menos três camadas envolvidas, naquilo que se conhece como heteroestrutura, até agora se acreditava ser impossível produzir a superinjeção em uma camada única de semicondutor, ou seja, em uma monoestrutura. Igor Khramts…

Chip que usa luz é fabricado com tecnologia industrial

Imagem
Chip que usa luz é fabricado com tecnologia industrial Redação do Site Inovação Tecnológica - 04/07/2019 Os primeiros protótipos já foram fabricados com equipamentos padrão da indústria, e não mais em plataformas de laboratório.
[Imagem: PLASMOfab]
Eletrônica casada com fotônica Pesquisadores financiados pela União Europeia criaram uma plataforma inovadora que promete levar do laboratório para a indústria os circuitos que trocam a eletricidade pela luz, viabilizando um menor consumo de energia e um desempenho muito acima dos chips eletrônicos convencionais. A plataforma viabiliza a fabricação conjunta de circuitos eletrônicos e circuitos fotônicos no mesmo chip, usando os processos de produção padronizados da indústria atual, conhecidos como CMOS. Os "processadores de luz" já estão muito avançados em escala de laboratório, mas o problema em levá-los para os produtos de consumo tem a ver com a incompatibilidade de dimensões. Enquanto os chips eletrônicos são medidos em nanômet…

Publicado Plano Nacional de Internet das Coisas

Imagem
Publicado Plano Nacional de Internet das Coisas Com informações da Agência Brasil - 29/06/2019 A USP foi uma das primeiras universidades brasileiras a criar um laboratório de pesquisa em internet das coisas.
[Imagem: Divulgação/LSI-TEC USP]
IdC O governo federal publicou o Plano Nacional de Internet das Coisas, preparado nos últimos três anos por uma equipe liderada pelo Ministério da Ciência e Tecnologia (MCTIC) e do BNDES. O Decreto contendo o plano (nº 9854 de 2019) traz uma série de objetivos para o fomento a esse tipo de tecnologia no país, aponta áreas prioritárias e cria um órgão consultivo formado por diversos ministérios para avaliar a sua implementação e recomendar ações. O termo "Internet das Coisas" (IdC, ou IoT na sigla em inglês) vem sendo adotado nos últimos anos para designar um ecossistema em que não apenas pessoas estão conectadas por meios de seus computadores e celulares, mas também dispositivos estão interligados entre si, com usuários e com sistemas comp…

Finalmente uma memória universal para computadores?

Imagem
Finalmente uma memória universal para computadores? Redação do Site Inovação Tecnológica - 28/06/2019 Esquema da "memória universal", que usa poços quânticos duplos de InAs (azul) com barreiras triplas de AlSb (cinza) e GaSb (vermelho).
[Imagem: 10.1038/s41598-019-45370-1]
Memória não-volátil de baixo consumo Um novo tipo de memória eletrônica, com seu consumo de energia ultrabaixo, promete dar vida nova a computadores e aparelhos eletrônicos portáteis em geral. Ofogh Tizno e seus colegas da Universidade Lancaster, no Reino Unido, afirmam que sua "memória universal" pode reduzir o consumo de energia das centrais de dados em um quinto, além de permitir que os computadores deem boot instantâneo, já que ela não perde os dados na ausência de eletricidade. "Uma memória universal, que armazena dados de forma robusta e que podem ser facilmente alterados, é amplamente considerada inviável ou até mesmo impossível, mas este dispositivo demonstra suas propriedades contrad…

Três naves ficarão de guarda vigiando cometa desconhecido

Imagem
Três naves ficarão de guarda vigiando cometa desconhecido Redação do Site Inovação Tecnológica - 27/06/2019 Corpos celestes que nos visitam não vêm só do próprio Sistema Solar - cometas, principalmente, podem vir de bem mais longe.
[Imagem: ESA/UCL]
Vigia de cometas Agora que você já sabe quase tudo sobre defesa planetária, é tranquilizador acrescentar que não estamos parados, reforçando essas defesas continuamente. A Agência Espacial Europeia (ESA) e a Agência Espacial Japonesa (JAXA) acabam de aprovar a missão "Interceptador de Cometas" (Comet Interceptor), passando o projeto para a fase de detalhamento, prévio ao início da construção das naves. O objetivo é investigar cometas ou outros objetos interestelares desconhecidos que se aproximem do Sol pela primeira vez, a exemplo do 'Oumuamua, que alguns cientistas desconfiaram que fosse uma sonda alienígena. Se esses objetos desconhecidos calharem de vir em direção à Terra, haverá então tempo suficiente para nos prepararmos…