Postagens

Mostrando postagens de Junho 4, 2017

Monopólio brasileiro do nióbio gera cobiça mundial,e controvérsia...

Imagem
CP2

Monopólio brasileiro do nióbio gera cobiça mundial,e controvérsia...

Imagem
CP2

5 aviões revolucionários que você precisa ver

Imagem
CP2

BELL FLIES INTO THE FUTURE WITH FIRST CONCEPT HELICOPTER || WARTHOG 2017

Imagem
CP2
Imagem
QUAL A DIFERENÇA ENTRE BACTÉRIAS, FUNGOS E VÍRUS?26 De Abril De 201714:23ByIn
0
Microrganismos são seres vivos caracterizados pelo seu tamanho reduzido, passíveis de visualização apenas em microscópios. Bactérias, fungos e vírus fazem parte desse grupo, juntamente com as microalgas e parasitas como os protozoários, e têm em comum mais do que apenas o seu tamanho microscópico, e por isso é comum confundi-los, principalmente quando a questão é saúde humana ou meio ambiente. Bactérias e fungos são chamados de “faxineiros do planeta”, pois são capazes de degradar matéria orgânica e fixar nutrientes no solo, por exemplo, que de outra forma o homem não seria capaz. Sob outra perspectiva, se assemelham também no tocante a doenças que acometem o corpo humano. Doenças são normalmente caracterizadas pelos seus sintomas, que aparecem mesmo antes de saber-se qual o agente causador. Como o sistema imunológico humano costuma responder de forma semelhante, sinais como tosse, febre, inflamações, c…
Imagem
ANTIBACTERIANO OU BACTERICIDA? SAIBA A APLICAÇÃO CORRETA DOS TERMOS21 De Dezembro De 201616:11ByIn
1
Frequentemente, no dia a dia, nos deparamos com termos gramaticalmente parecidos ou de significado próximo, que chegam até a causar confusão no seu entendimento. Um exemplo muito comum está nos termos bactericida e anti bacteriano, comumente encontrados em embalagens de sabonetes, palmilhas, anúncios de roupas e outros produtos. Embora essas duas palavras pareçam sinônimos, elas não possuem o mesmo significado, podendo estar equivocadas, o que chama atenção para o cuidado de entender a funcionalidade do produto. Para empresas onde o carro-chefe envolve produtos voltados ao combate de fungos e bactérias, é imprescindível não somente a denominação correta dos termos, como também a responsabilidade de compartilhá-los. BREVE ANÁLISE MORFOLÓGICADesconstruindo as palavras, a adição do prefixo grego 
Imagem
10 FATOS SOBRE TECIDOS INTELIGENTES PARA A INDÚSTRIA TÊXTIL15 De Fevereiro De 201716:01ByIn
0
A indústria têxtil é considerada uma das manufaturas mais antigas do planeta. Mesmo assim ela nunca deixa de inovar e se reinventar, adaptando-se aos novos hábitos dos consumidores e entregando produtos com diferencial e alto valor agregado. A indústria têxtil é considerada uma das manufaturas mais antigas do planeta. Pinturas antigas mostram que no Egito antigo já existiam os chamados teares antigos, a partir de fios advindos da cultura de lã, algodão e linho, por exemplo. Existem até indícios sobre a existência da tecelagem já no período paleolítico. Desde então, unindo-se uma necessidade iminente com a evolução da moda, este setor vem crescendo e inovando cada vez mais. Com a tecnologia da atualidade, foi possível a criação dos chamados tecidos inteligentes, têxteis que desempenham funções além de apenas vestir. Abaixo se encontram 10 fatos sobre tecnologias inteligentes já encontradas n…
Imagem
TECNOLOGIA NO TRATAMENTO DE MADEIRA: COMO AFETA O PRODUTO FINAL13 De Julho De 201614:08ByIn
0
Madeiras são materiais porosos e possuem grande área superficial em contato com o ar, por conta dessas características, são de difícil secagem. Consequentemente, esse tipo de material está exposto a ameaças invisíveis: suas ranhuras são um ambiente perfeito para o desenvolvimento de microrganismos, principalmente fungos e bactérias que causam mau odor e alteração sensorial (como cheiro e cor). Num trabalho realizado em 2010, na UNICEP (São Carlos-SP), foi avaliada a contaminação das tábuas de madeira utilizadas no preparo de alimentos, de uma instituição de Ensino Superior, através de análises microbiológicas realizadas a partir do Método do Swab. Das tábuas analisadas, 90% estavam contaminadas, o que indica uma condição higiênico-sanitária insatisfatória, com a presença de bactérias, bolores, leveduras e até mesmo enterobactérias. A contaminação microbiológica tem sido alvo de preocup…
Imagem
TNS
CP2
5 VANTAGENS DA NANOPRATA PARA A NOSSA SAÚDE20 De Julho De 201613:57ByIn
0 Comments
Sabemos que a tecnologia está presente em diversos âmbitos da nossa vida cotidiana, inclusive quando não conseguimos enxergá-la diretamente. Esse é o caso da nanotecnologia, que trabalha com partículas tão pequenas que o ser humano não consegue ver sem microscópios muito especializados. Algumas dessas pequenas partículas, conhecidas como nanopartículas, nos ajudam em diversos aspectos, como no combate à proliferação de microrganismos – é o caso das nanopartículas de prata, a nanoprata. Mas onde podemos encontrá-las? Vejamos alguns exemplos de aplicações e situações onde a nanoprata é útil: IMPLANTES DENTÁRIOSInfecções bacterianas como gengivite e periodontite são infecções bucais bastante comuns. Semelhante a essas, as peri-implantites são as que ocorrem em regiões próximas a implantes dentários, fato que também se apresentam com freqüência em pacientes. O combate dessas infecções é comum…

Trens do futuro terão vagões autônomos e inteligentes

Imagem
Mecânica Trens do futuro terão vagões autônomos e inteligentesRedação do Site Inovação Tecnológica -  02/06/2017 Conceito de comboio flexível: os vagões individuais formam um grupo e se juntam autonomamente para criar uma locomotiva completa.[Imagem: DLR] Vagões autônomos e com motores próprios Os engenheiros da Agência Espacial Alemã (DLR) não se preocupam apenas com foguetes e naves espaciais: eles estão também ajudando a projetar os trens do futuro. Mais do que isso, o objetivo do projeto NGT Cargo (Next Generation Train, ou trens da próxima geração) é projetar um sistema de transporte ferroviário de cargas completo, incluindo os vagões e as locomotivas, certamente, mas também os sistemas de carregamento e descarregamento e toda a logística envolvendo a operação do sistema. A ideia é que cada vagão funcione como uma espécie de "contêiner ambulante", que vá até a fábrica ou armazém, onde é carregado ou descarregado, e depois automaticamente se junte a uma composição que po…